Inovação à vista no VRS Miringuava

By 27 de março de 2024VRS em Pauta

O VRS Miringuava foi concebido quando SANEPAR, procurou a Invest Paraná para adaptar a metodologia do Programa de Vocações Regionais Sustentáveis do Paraná para a bacia do Rio Miringuava como uma ação socioambiental complementar às medidas compensatórias devidas pela construção da barragem do Rio Miringuava e ao Plano de Desenvolvimento Territorial do Miringuava, PDST. Atualmente o projeto se encontra na etapa final do diagnóstico e de entrega do plano de ação.

Ao longo dos 12 meses que perdurou a vigência do contrato, a consultoria ambiental, JPR Ambiental, realizou o estudo bibliográfico e levantamento das pesquisas anteriores, contato direto com instituições público e privadas atuantes na região, além de diversas personalidades e lideranças locais para viabilizar a entrega de análises econômicas, ambientais, sociais e a construção participativa do plano de implementação e ações de apoio.

Mas o projeto não termina por aí. Tendo identificado as forças e fraquezas relacionadas às vocações apontadas pela comunidade de hortaliças, agroindústria e do turismo rural, bem como suas ameaças e oportunidades, o plano de ação e implementação lista uma série de problemas estruturais que dificultam o desenvolvimento destas cadeias de valor e apresenta uma proposta inovadora unificada das ações para intervenção por meio de um espaço comunitário multiuso.

Este espaço comunitário objetiva o atendimento às necessidades da comunidade que foram identificadas em campo, prevendo tornar-se um local de referência para: experimentação; desenvolvimento de produtos e embalagens; laboratório para conhecimento e ferramenta de apoio ao turismo; treinamentos; cursos de capacitação; processamento mínimo; fomento de parcerias e promoção da cultura associativista.

Como conclusão deste ciclo inicial, é importante destacar o compromisso e o envolvimento de todos os parceiros e atores envolvidos neste processo. A colaboração entre SANEPAR, Invest Paraná, Caixa Econômica Federal (financiadora do projeto), JPR Ambiental e as comunidades locais demonstra a força e a determinação em promover o desenvolvimento sustentável da região. Com o plano de ação delineado e o espaço comunitário em fase de implementação, estamos preparados para avançar rumo ao segundo módulo do Programa VRS, com a intenção de construir um futuro mais próspero e equitativo a todos os envolvidos, para a transformação positiva da bacia do Rio Miringuava e de suas comunidades e a abertura de mercado para seus produtos e serviços.